<$BlogRSDUrl$>

 

TABAGISTA ANÔNIMO

 

O MINISTÉRIO DA SAÚDE ADVERTE:

As opiniões sobre métodos de parar de fumar aqui apresentadas não seguem critérios científicos ou estatísticos, e podem não fazer sentido para outros indivíduos.

O autor deste site não tem nenhum vínculo com o grupo Tabagistas Anônimos.

 

::F.A.Q. do T.A.::
::Dicas do T.A.::
 
Blogueiros Contra o Tabagismo

Selo do BCT, fundo preto

Selo do BCT, fundo branco

 
links sobre tabagismo
:: e-mail-me ::
 
Rede Tabaco Zero
 
This page is powered by Blogger. Isn't yours?
 

 

-15 de maio de 2006 -

Boletim Médico

Quando da minha queixosa volta ao T.A. este ano, contei-lhes de um problema no tendão tibial posterior direito, que esperava estar resolvido a esta altura. Como o tendão continua reclamando para carregar estes 92 quilos por aí, busquei outras opiniões, além das três anteriores.

A quarta opinião foi drástica: o doutor sugeriu uma cirurgia, aliás duas, como única chance de voltar a caminhar normalmente. Na primeira, ele limparia o tendão inflamado, mas mesmo assim sua funcionalidade continuaria comprometida para sempre, então ele faria a "solidarização" deste com o tendão flexor dos artelhos, amarrando um ao outro. Ainda assim, as chances de a disfunção persistir seriam grandes, devido à conformação defeituosa do meu pé, bastante chato. A segunda cirurgia é uma osteotomia do calcâneo ou, em português claro, um verdadeiro serviço de marcenaria no meu calcanhar. O osso seria serrado e depois fixado com um parafuso numa posição diferente, que daria melhor sustentação aos tendões.

A quinta opinião, para meu desespero, praticamente confirmou a quarta. A única diferença é que o médico quer antes tentar um tratamento conservador, apenas para eliminar a hipótese, já que ele acredita que as chances de sucesso são reduzidas.

E cá estou, tentando reavivar minhas fracas crenças religiosas enquanto compareço a três sessões de fisioterapia por semana e tento acomodar meu pé chato numa incômoda palmilha artopédica.

Seja qual for o desfecho dessa história, o fato é que eu não vou poder voltar a praticar corridas tão cedo, se é que um dia poderei fazê-lo.

Como os amigos sabem, correr era o meu principal aliado na luta contra o fumo. Eu até sugeri isso no topo das Dicas do T.A. E não me venham dizer para fazer natação ou hidroginástica, porque se me conheço bem, já sei que não vai rolar, ainda mais com esse friozinho que começa a se instalar em São Paulo. Estou um passo mais distante da minha meta, seria bobagem não reconhecer.

P.S. - A Ovelha Branca entra para o time.

Tabac - 14:36

8 Comentários:

Anonymous Amers[marcas]em Cabochard... disse...

Muito interessante este blog...cheguei aqui através de um blog em comum...a culpa étoda dele...natação no inverno deve dar mais medo que cigarro aceso...rs...mas que tal algus outros exercícios mais estimulantes, em frente à lareira...acompanhado de um bom vinho...fica a sugestão...e nada de cigarros, depois...rsss

15/5/06 17:50  

Anonymous BinOniKaum disse...

Caracólis . . . ler isso logo no dia que eu consegui dar um chute no sedentarismo e voltar a correr é um tanto quanto desestimulante. Mas tenha fé, se Ronal do voltou a jogar você provavelmente voltará a correr. Abração Tabac, e, melhoras aí.

15/5/06 23:29  

Anonymous Freja disse...

Tabac, não sei se servirá como estimulo ou te deixará ainda mais desanimado, mas na minha leitura (que não sei nem classificar se é otimista ou pessimista), acho que a perspectiva de uma cirurgia é um motivo extra para parar de fumar, afinal você estaria aumentando, e muito, as chances de sucesso da cirurgia e poderia, como o Bin bem colocou o exemplo do Ronaldino, pensar na perspectiva de correr pós-parar de fumar e não como uma condicionante para parar. Abraço forte, Freja!

16/5/06 10:51  

Anonymous Artemus disse...

Caramba, que chato. Só nos resta torcer para que você consiga retornar às corridinhas, velho amigo. Ou, pelo menos, às boas caminhadas crepusculares. Mantenha-nos informados, estamos fazendo figa. Só não posso lhe oferecer minhas orações, pois minhas convicções religiosas são mais tíbias que seu tibial...
Grande abraço.

16/5/06 11:00  

Anonymous um amigo disse...

Trabalho na área de saúde. O cigarro prejudica a circulação sanguínea, mesmo que você não perceba. Se não fumasse, talvez não tivesse desenvolvido esse problema no tibial. Se quiser aumentar suas chances de escapar da cirurgia, ou, se ela for inevitável, quiser melhorar sua recuperação, PARE DE FUMAR AGORA. Seu tibial e o resto todo do seu corpo vão agradecer

17/5/06 12:35  

Anonymous Viviane disse...

Vou comentar, mas sem querer criar nenhuma polêmica ou coisa parecida.
primeiramente lamento muito pelo seu tendão, mas acho que você está querendo achar uma culpa para adiar seus planos. O ato de parar, não pode estar sempre vinculado a uma outra situação qualquer, entende? Abraço.

17/5/06 22:19  

Anonymous Viviane disse...

Tabac, muito obrigada por ter instalado meu fumômetro, quando entrei e dei de cara com ele fiquei muito feliz, tive um impacto ao perceber que já deixei de fumar até agora 1.283 cigarros... Caramba é muito cigarro! Tá com crédito comigo hein?! Pode cobrar. Abraço.

19/5/06 18:45  

Anonymous Artemus disse...

Quando puder, entre lá no Renascer e poste alguma coisa simpática. Viviane não diz, mas está se sentindo meio culpada por uma suposta indiferença de sua parte. Psicologismos à parte, é uma forma de ajudar, você sabe. Grande abraço.

22/11/06 05:43  

Postar um comentário

Link para este post:

Criar um link

<< Voltar