<$BlogRSDUrl$>

 

TABAGISTA ANÔNIMO

 

O MINISTÉRIO DA SAÚDE ADVERTE:

As opiniões sobre métodos de parar de fumar aqui apresentadas não seguem critérios científicos ou estatísticos, e podem não fazer sentido para outros indivíduos.

O autor deste site não tem nenhum vínculo com o grupo Tabagistas Anônimos.

 

::F.A.Q. do T.A.::
::Dicas do T.A.::
 
Blogueiros Contra o Tabagismo

Selo do BCT, fundo preto

Selo do BCT, fundo branco

 
links sobre tabagismo
:: e-mail-me ::
 
Rede Tabaco Zero
 
This page is powered by Blogger. Isn't yours?
 

 

-26 de junho de 2006 -

Catarina

Catarina escreveu:

oi!
eu tb fumo...só que tenho apenas 13 anos...n konsigo deixar, e sei que se contar aos meus pais, nunca mais terei a confiança deles...
fumo ha pouco tempo, mas comecei em grande, comecei com 20 cigarros por dia, e por vezes chego a fumar 60...uh k ekivale +/- a 3 massos de tabaco...
apenas queria partilhar um pouco desta historia contigo, pois pelo menos sinto-m em pé de igualdade, nesta situação!
boa sorte para ti!
Catarina

Catarina, nem sei direito o que dizer, e ao mesmo tempo sinto que tenho que dizer alguma coisa. Vamos tentar:

  • Você já deve estar careca de saber que está comprometendo DEMAIS sua saúde. Se ainda não estiver careca, leia os artigos nos links sobre Tabagismo aí ao lado. No seu caso, a coisa ainda é pior, porque na sua idade os 10 cigarros por dia que você consome vão diminuir o seu crescimento e o desenvolvimento do seu cérebro. Isto é, você vai se tornar uma mulher mais baixinha e mais burra. Peraí, esqueci que você não fuma só 10 cigarros; você fuma 60!! Multiplique o risco de ficar baixinha e burra por 6 então. E se você ficar só baixnha e burra, dê-se por satisfeita. Porque tudo indica que, se você não reverter a situação, estes serão seus menores problemas.
  • Leia o meu blog e os das outras pessoas do BCT. Veja os problemas que o cigarro está trazendo, e apesar disso, a dificuldade de parar. Pergunte a qualquer um se teriam começado a fumar se pudessem voltar ao passado.
  • Não se iluda. A probabilidade de seus pais não saberem é mínima (a não ser que você não more com eles). Porque 60 cigarros deixam muitas pistas, muita cinza, muitas bitucas, muita fumaça, muito fedor, e custam muito dinheiro. Portanto, se você quiser conversar com eles a respeito, tenho certeza que a confiança deles em você vai AUMENTAR, pois eles verão que você não está tentando enganá-los. E não há vergonha nenhuma em reconhecer um erro e pedir ajuda. Vergonha é persistir no erro.
  • Mas se por qualquer motivo você não queira falar com eles, há muitas outras pessoas que podem ajudar, inclusive nós (aposto que eles vão deixar uns recadinhos pra você). Escreva quando quiser.
  • Comece já a mudar seu futuro para melhor. Parar de fumar é o que de melhor você pode fazer hoje pelo seu futuro, mais importante do que conquistar a simpatia de seus amigos fumantes. Se hoje eles te acharem careta, amanhã vão constatar que você foi mais esperta que eles. Pode parecer difícil no início, mas com um pouco de perseverança, vai ver que não é um bicho de 7 cabeças. Especialmente com com sua idade. Embora aparentemente já tenha fumado o suficiente para se tornar escrava da dependência química, pela sua idade acredito que ainda não tenha desenvolvido a dependência psíquica, que é bem pior, falo por experiência própria. A dependência química é a mais concreta, a que mais causa sofrimento, mas depois de mais ou menos uma semana sem fumar você a corta.
  • O primeiro passo você já deu. Já concluiu por experiência própria que o cigarro não é brinquedo. E já deixou uma mensagem aqui, o que sinaliza sua vontade de mudar as coisas. Esse é o principal requisito, acredite. O resto a gente resolve.
  • Mande notícias!

Tabac - 13:08

12 Comentários:

Anonymous Claudio disse...

Tabac, eu por exemplo, não teria a menor idéia do que dizer a Catarina. Que baita armadilha essa garota caiu!! Só posso desejar e torcer para que ela consiga se livrar o mais rapidamente dessa cilada, antes que atrapalhe o seu desenvolvimento.

26/6/06 17:15  

Anonymous Freja disse...

Catarina, concordo plenamente com o Tabac que você não deve ter medo de contar para os seus pais por achar que vão perder a confiança em você. Acho que você precisa do apoio deles nesse momento e se por acaso eles não conseguirem te ajudar vale a pena conversar com algum adulto que você confie. Um grande abraço e conte conosco.

26/6/06 18:43  

Anonymous Viviane disse...

Para Catarina: Oi meu nome é Viviane e tenho uma filha de 16 anos que começou a fumar para se igualar a turma de amigos. Ela também não me contou na época, pois achava que eu não a entenderia e nem ficaria ao seu lado. Não é possível esconder os vestígios desse vício dos pais, pois são muitos rastros deixados (cheiro, cinzas, fósforos), bom mas o fato é que descobri e tentei mostrar para ela como esse caminho não a levaria a lugar nenhum, conversamos bastante sobre o assunto, e posso afirmar que ela realmente abandonou o hábito de fumar. Ela depois presenciou meu sofrimento quando resolvi parar de fumar também (Leia meu Blog), viu como é difícil se livrar de um vício como esse depois de tantos anos. Bom Catarina, confesso que fiquei muito triste quando li sua mensagem nesse blog, o que posso te dizer e te aconselhar é que confie sempre em seus pais, eles são seus únicos e verdadeiros amigos, faça o possível para não decepcioná-los nunca. Você é muito nova para se apegar numa coisa que não combina com juventude, cigarro é brega, é feio! Mas só você pode realmente decidir o que quer para sua vida e seu futuro. O que prefere? Ser uma viciada que quando chegar na minha idade se lamentará por não ter parado de fumar antes, já cansada, velha (cigarro envelhece), ou uma mulher cheia de força, saúde e orgulho por ter se livrado o quanto antes do vício? Um beijo carinhoso.

26/6/06 18:44  

Anonymous D. Afonso XX, o Chato disse...

Como fumante que diz que tenta deixar de fumar, vou ter que ler com mais calma o teu blog. No post de terça abordo a questão da escada. abração

26/6/06 21:35  

Anonymous Artemus disse...

Não vejo outra maneira de me dirigir a você, Catarina, que não de forma absolutamente verdadeira. Fumando nesse ritmo, você deverá morrer de enfisema por volta dos 30 anos. Recentemente li sobre uma vítima do tabagismo que morreu aos 32. Faça as contas e veja quanto tempo você ainda tem.
Se você quiser continuar fumando, aproveite o tempo que lhe resta. Mas como aproveitar sem fôlego, cheirando mal, sendo excluída dos lugares?

28/6/06 12:10  

Blogger M&M disse...

Sem palavras... Sem comentários... Só posso falar para a Catarina que está a fazer a pior coisa que poderia fazer para a sua saude e para todos os que gostam dela que tenho certeza que são muitos. Pensa nisso Catarina e tome a sua decisão que nunca é cedo para se decidir. Aliás fumar é uma decisão sua e não fumar também será. Estou certo disso.

29/6/06 21:29  

Anonymous Paula disse...

Tabac,
Fazia tempo que eu não passava por aqui. Adorei o selo BCT e, mesmo tendo ficado triste ao ver seu fumometro desligado, fiquei feliz ao ver que tem muita gente nova na área. Parabéns pelo belo trabalho, eu sempre indico os blogs quando me pedem dicas para parar de fumar nas apresentações que eu faço, vou passar a inserir o selinho! Passa lá na página da Rede Tabaco Zero porque acabou de sair um boletim novo, queria saber a opinião de vocês sobre as imagens de advertência. Abraço, Paula.

30/6/06 10:07  

Anonymous Anônimo disse...

Cigarro e Silêncio a perigo. O Zip. net não aceita mais nenhuma inserção. Nem que eu retire arquivos! Quando voltar de férias, em 20 aidas, vejo o que dá pra fazer. Até lá e, se puder, avise ao pessoa, ok? Abração.

6/7/06 21:32  

Anonymous Artemus disse...

Falhou a assinatura do comentário. Agora vai.

6/7/06 21:33  

Anonymous Anônimo disse...

bem, eu n iria fazer ideia que tu ias escrever um posto sobre mim...por isso nunca mais cá voltei...é possível ke n vejas este comentário, mas sent-me na obrigação...eu n kontei aos meus pais, mas os meus verdadeiros amigos estão a ajudar-me e baixei dakels maços para apenas 7 por dia...devagar sei que vou deixar...obrigado pelo post dedicado a mim, e espero que ajude outros que já tenham passado por isso...

bjs, e mais uma vez obrigado
catarina

7/11/06 19:18  

Anonymous Sibi disse...

Olá,
Fiquei aterrorizada com a Catarina.
60 cigarros??
Caraamba!! Tãao novinha!!!
Olha, confesso que me deu um pouco de raiva, saber que uma garota tãaao jovem, está se matando tão cedo. Mas tb não sei o que a levou a fumar assim. Com certeza há um motivo.
O que eu posso indicar para ela é tentar descobrir o pq ela fuma tanto. No que ela pensa quando está fumando? Coisas desse tipo, e pensar que ela pode estar gerando um câncer ou qq outra doença muito ruim, pois o cigarro só nos proporciona isso.
Pôxa lindona!! Não faça isso com vc!!
Tente procurar uma ajuda (psicólogo, grupos de apoio), sei lá..Tenta se conscientizar ao máximo q vc quer parar!!
Eu tenho feito isso e tá dando super certo.
Diminui muuuuuito os cigarros.
Tenho 34 anos, fumo desde os meus 15 anos.
Hj estou com a plena certeza de que quero parar, pois estou sentindo no corpo, as reações do cigarro. E estão atingindo meu pulmão e coração.
Estou fazendo um check-up médico e procurando seeeempre não fumar.
Antes eu fumava de 1 a ( 2 raras xs) carteiras de cigarro por dia.
Hj fumo meia carteira.
Isso em menos de 6 meses!!
Mas tb sou a fumante que odeeia cheiro de cigarros pela manhã, antes de tomar um café reforçado.
Em jejum, neeever!!!
Dormir fumando?? Neem pensar!!
Então, acho que vai ser um pouco mais fácil pra mim.
Hj estava navegando na net e encontrei esse site.
Na realidade, tava navegando a procura de simpatias para parar de fumar, pois quero muito tentar isso, pois simpatias sempre deram certo na minha vida.
Aliás, se alguém souber, me avise, por favor!!rs..É sério!!
Então Catarina, pense bem.
Vale a pena deixar de viver essa vida maaraavilhoosa que vc tem pela frente?????
Muuuuuita boa sorte à todos!!!
Bjks

19/6/07 23:50  

Anonymous Anônimo disse...

Meu nome é Andressa, moro em Porto ALegre, Rio Grande do Sul, e eu também tenho 13 anos e fumo. Fumo pouco, 1 maço a cada três semanas mais ou menos. Meus pais não sabem.
Com essas dicas vou fazer o possível pra parar!

1/12/08 03:48  

Postar um comentário

Link para este post:

Criar um link

<< Voltar